Terça-feira, 21 de maio de 2024

Capotamento de ônibus em rodovia de Minas Gerais deixa sete mortos

Um ônibus capotou na madrugada desta quarta-feira (17), por volta das 3h30, na MGC-120, entre São João Evangelista e São Pedro do Suaçuí, no Vale do Rio Doce. Segundo a Polícia Militar Rodoviária, pelo menos sete pessoas morreram.

A princípio, 15 passageiros ficaram feridos e foram levados para o hospital de São João Evangelista. O número de vítimas está sendo contabilizado.

Os bombeiros informaram que dos 15 socorridos ao hospital, cinco estavam presos às ferragens.

As primeiras informações são de que no ônibus que faz a linha Belo Horizonte a Minas Novas, havia 40 passageiros. O trajeto é feito três vezes por semana, segunda, quarta e sexta.

O coletivo capotou próximo a um local conhecido como Curva do Bambuzeiro.

O motorista, de 46 anos, foi submetido ao teste do bafômetro que deu negativo. Segundo a PMRv, ele disse que no momento do acidente, cachorros atravessaram na frente do veículo, e, ao tentar desviar, ele perdeu o controle direcional e o ônibus capotou.

Equipes do Corpo de Bombeiros de São João Evangelista e Guanhães atendem a ocorrência. Equipes do SAMU, também estão no local.

A perícia da Polícia Civil está no trecho e um guincho da cidade de Guanhães, está se deslocando para destombar o veículo que ficou caído, em uma área de mata, à margem da rodovia.

A Sampaio Turismo, empresa responsável pelo veículo, com sede em Belo Horizonte, informou ao g1 que, tomou ciência do acidente ainda na madrugada.

Informou também que, o proprietário está em deslocamento para o local. Saindo de Belo Horizonte. O trajeto demora em torno de seis horas. A partir da chegada, novas informações serão repassadas por ele, ou pelo advogado.

Disseram ainda que a empresa é legalizada e tem autorização do estado para realizar as viagens, assim como o motorista em questão também é registrado nos sistemas do estado para viajar.