Terça-feira, 21 de maio de 2024

Defesa Civil emite alerta de chuvas intensas para todo o estado de SP

A Defesa Civil de São Paulo emitiu um alerta à população para um período de chuvas intensas que atingirá todo o território paulista, a partir desta quinta-feira (21) e permanecerá até sábado (23). De acordo com o órgão, as regiões mais afetadas serão o litoral Norte e o Vale do Paraíba, com previsão de até 250 mm de chuva, caracterizando um alerta vermelho.

Segundo dados divulgados pelo Centro de Gerenciamento de Emergência (CGE), há condições de chuvas fortes e contínuas, e moderadas, acompanhadas de descargas elétricas e rajadas de vento que podem chegar até 88km, em algumas regiões, além de ressaca marítima para todo litoral, com ondas de 2.5 a 3 metros, até domingo (24).

Na Baixada Santista, são esperados 180 mm, seguidos pela Região Metropolitana de São Paulo, Vale do Ribeira, Serra da Mantiqueira e Itapeva, onde são previstos 100 mm, configurando um alerta laranja. Por outro lado, o interior do estado deve enfrentar precipitações menos intensas.

O CGE ressalta os riscos para transtornos maiores como: deslizamentos, inundações, alagamentos, enxurradas e raios. É importante tomar cuidado com as áreas mais vulneráveis.

No interior do estado acumulados moderados também devem ser registrados. Nas regiões de Barretos, Franca, Ribeirão Preto, Araçatuba e São José do Rio Preto são esperados 70mm. Já para as regiões de Bauru, Araraquara, Marília e Presidente Prudente, os acumulados podem atingir os 60mm.

Recomendações da Defesa Civil

Se acontecer de um fio elétrico cair sobre um automóvel, os passageiros devem permanecer dentro do veículo e entrar em contato com o serviço de emergência.

Se o carro pegar fogo, ele deve ser abandonado. Mas é preciso ter cuidado ao sair. Não tocar nas partes metálicas e pisar com os dois pés, ao mesmo tempo, no chão e depois, é necessário se afastar dando pulos. Manter distância do veículo e do local da queda do fio por pelo menos 10 metros.

Já para as pessoas que moram em lugares com declive é necessário prestar atenção na movimentação do solo. Durante o deslizamento é comum que rachaduras nas paredes dos imóveis, portas e janelas emperram, postes e árvores fiquem inclinadas e água lamacenta escorra pelo morro. Ao observar qualquer um desses sinais, as pessoas precisam se retirar imediatamente do ambiente.

Evitar áreas com muitas árvores, devido ao risco de queda das plantas e não enfrentar áreas alagadas ou com enxurradas. Em nota, a Defesa Civil informa que “uma lâmina com 15cm de água pode arrastar uma pessoa e com 30cm levar um automóvel”.

Diante desses sinais, é importante acionar a Defesa Civil pelo número 199 e cadastrar-se pelo SMS 40199.